LIVE COM FINALISTAS DO PRÊMIO ABRA/ROTEIRISTA DO ANO

VOCÊ SABIA QUE…

Os números de pessoas assinantes de streamings de vídeo chegaram a 1 bilhão, em 2020?

A Netflix lidera o mercado, com 62%, seguida por Amazon (27%), Globoplay (24%), Disney Plus (16%), Telecine (14%), Now (7%) e Mubi (3%). Dentre os usuários da Netflix, 10% iniciaram o acesso na pandemia; esse crescimento foi ainda maior na Amazon (13%) e Globoplay (11%).

O mercado de streaming só cresce. E hoje vamos conversar com alguns roteiristas que estão nesse mercado aquecido.

Na terça-feira, 2, às 19h, a ABRA – Associação Brasileira de Autores Roteiristas e a Rede Sina realizaram live com os roteiristas finalistas do Prêmio ABRA na categoria Roteirista do Ano. Participaram Alice Marcone, Caito Mainier, Michel Carvalho, Pedro Aguilera, Raphael Montes. A live foi mediada pela Melina Guterres (Mel Inquieta), fundadora da Rede Sina e Dani Reule, roteirista.

O Prêmio ABRA de Roteiro é produzido pela Abra – Associação Brasileira de Autores Roteiristas – e tem a finalidade de valorizar os autores-roteiristas e ressaltar a importância do roteiro na cadeia de produção da indústria audiovisual do país. A votação que determina indicados e vencedores é realizada pelas próprias pessoas associadas da Abra em dois turnos. Concorrem ao Prêmio as produções cujos roteiros são de autoria ou coautoria de roteiristas brasileiros, associados à Abra ou não. Devido ao isolamento social, a quinta edição será novamente em formato virtual. 

Finalistas do Prêmio ABRA / Roteiristas do Ano

ALICE MARCONE:

Concorre ao Prêmio Abra na categoria Melhor Série de Ficção – Comédia com a série “Todxs Nós” (HBO)

Alice Marcone é Roteirista, Cantora, Apresentadora de TV e Atriz, tem graduação em Psicologia pela USP-SP. Alice é finalista do 5 Prêmio ABRA como uma das roteiristas da série Todxs Nós (HBO), na categoria Melhor Série de Ficção – Comédia. Além disso, esteve presente na produção de diversas obras lançadas em 2020. É uma das roteiristas da série Noturnos (Canal Brasil) e também é roteirista e apresentadora do programa  Born To Fashion (E! Enternameint). É a primeira mulher trans a lançar uma carreira no Sertanejo, com os singles “Pistoleira” e “Noite Quente”, o segundo teve o seu clipe lançado em 2020.

CAITO MAINIER:

Concorre ao Prêmio Abra na categoria Melhor Série de Ficção – Comédia a série “Choque De Cultura” (Canal Brasil) e na categoria Reality Show e Variedades com “Lady Night” (Multishow).

Caito Mainier é roteirista e Ator. Caito é finalista do 5o Prêmio ABRA com duas obras. É roteirista e ator da Quinta Temporada do sucesso Choque De Cultura (Canal Brasil), onde interpreta o famoso personagem Rogerinho Do Ingá! A série é finalista na categoria Melhor Série de Ficção – Comédia. Também é um dos roteiristas da equipe do programa Lady Night (Multishow), estrelado por Tatá Werneck. O programa chegou em 2020 na sua quinta temporada e é mais uma vez finalista do Prêmio ABRA na categoria Reality Show e Variedades.

MICHEL CARVALHO:

Concorre ao Prêmio Abra na categoria Melhor longa-documentário pelo filme “Prazer em Conhecer”

Michel Carvalho é graduado, Mestre e Doutorando em Antropologia pela UFRJ, pesquisa questões relacionadas a gênero, raça e sexualidade no cinema. Tem ampla atuação como roteirista de documentários, com diversas obras lançadas, mas também atua como roteirista na ficção. É finalista do Prêmio ABRA como roteirista do longa-documentário Prazer em Conhecer. Além do trabalho como roteirista, Michel Carvalho é professor e é responsável pela formação de novas autoras roteiristas pelo Brasil.

PEDRO AGUILERA

Concorre ao Prêmio Abra na categoria Melhor Série de Ficção – Drama por “3%” (Netflix)

Pedro Aguilera é criador e Roteirista da série 3%, finalista do Prêmio Abra na categoria Melhor Série de Ficção – Drama. A série é a primeira original Netflix produzida no Brasil, e chegou na sua quarta e última temporada no ano de 2020, um marco na produção de conteúdo serializado nacional. Além disso, também no ano de 2020, Pedro criou e roteirizou a série de ficção Onisciente, mais uma produção Netflix no Brasil.

RAPHAEL MONTES:

Concorre ao Prêmio Abra na categoria Melhor Série de Ficção – Drama por “Bom dia Verônica” (Netflix)

Raphael Montes é roteirista e escritor, nasceu em 1990, no Rio de Janeiro, e é conhecido por suas histórias de crime, terror e suspense. É co-autor do livro (escrito com Ilana Casoy), criador, roteirista-chefe e produtor-executivo da série Bom Dia, Verônica na Netflix, vencedora do prêmio APCA 2020 e finalista do 5o Prêmio ABRA na categoria Melhor Série de Ficção – Drama. Escreveu diversos romances, entre eles “Uma Mulher No Escuro” (vencedor do Prêmio Jabuti 2020). Também tem ampla atuação no cinema, escrevendo roteiros para filmes em longa-metragem.

Links de divulgação da live:
Face ABRA:  https://www.facebook.com/239933882783300/posts/4211272192316096/
Face Rede Sina: https://www.facebook.com/1441314122851601/posts/2986065018376496/
YouTube Rede Sina: https://www.youtube.com/watch?v=LkA0Ogl0Wc8
CONTEÚDO VIA REDE SINA / PUBLICADO EM:

SINA EM PAUTA: BATE-PAPO COM FINALISTAS DO PRÊMIO ABRA / ROTEIRISTA DO ANO | 02/11 TER 19H

 

DEIXE UMA RESPOSTA