7 de novembro de 2009

No novo mundo digitalizado e globalizado, nós autores-roteiristas nos reunimos em Atenas, Grécia, para discutir nosso papel central na criação das histórias que chegam com tanto impacto às telas do mundo e aos coraçÕes e mentes das pessoas.

As histórias influenciam nosso comportamento e moldam nossa cultura. Elas nos ajudam a entender. As histórias podem vencer o medo. As histórias têm poder. Como autores-roteiristas, os contadores de histórias do nosso tempo, estamos conscientes de nosso papel e responsabilidade e nos encontramos para nos certificarmos de que podemos continuar nosso trabalho nesse novo ambiente.

Os desafios criativos e financeiros que enfrentamos só poderão ser vencidos se juntarmos forças e trabalharmos juntos. Insistimos na capacidade individual de cada um dos vinte e cinco mil autores-roteiristas, cujos representantes estão reunidos aqui, para ver e compreender o mundo à sua maneira e representar esta perspectiva única em suas histórias. Acreditamos que a criatividade individual é o que nos une para defender e fazer valer nossos direitos e objetivos comuns.

Apoiamos as ambiçÕes e as intençÕes da Carta da FSE, da Carta da IAWG e do Manifesto dos autores-roteiristas europeus.

Reivindicamos o direito dos autores-roteiristas de todos os lugares de serem reconhecidos como autores da obra audiovisual que escreveram e de serem justamente recompensados cada vez que seu trabalho for usado.

Na luta por tais fins, nos engajaremos ativamente em campanhas para atingir nossos objetivos comuns.

Nós nos comprometemos a trabalhar juntos para defender e ampliar os direitos dos autores-roteiristas.

Acordado e assinado no sábado, 7 de novembro de 2009, em Atenas, na conclusão da primeira Conferência Mundial dos Autores-Roteiristas:

Christina Kallas
Presidente da Fédération des Scenaristes en Europa / Federação dos Autores-Roteiristas Europeus

Michael Winship
Diretor da União Internacional de AssociaçÕes de Escritores “

DEIXE UMA RESPOSTA