O Museu da Imagem e do Som de São Paulo vai promover um curso básico de roteiro a partir do dia 19 de Setembro de 2016. O objetivo é oferecer uma introdução ao universo do roteiro e suas estruturas. Ministrado pelo roteirista associado Romeu Di Sessa, o programa conta um total de dez aulas.

Curso Básico de Roteiro

O curso é destinado a todas as pessoas interessadas pelo universo do cinema e da escrita de roteiros. Não é preciso ter conhecimento prévio para acompanhar as aulas. Romeu apresentará trechos de filmes em sala para desenvolver as primeiras cinco aulas. “Assistimos juntos a um filme (normalmente Contato, mas pode ser outro) onde vou comentando cena por cena e revelando a função dramática de cada uma delas.”

Outras duas obras também aparecem durante o desenvolvimento do curso. Festa em Família e Crazy, Stupid Love“Festa em Família aparece para desmistificar a ideia de que aquela estrutura “hollywoodiana” é mera receita de bolo de filme comercial (..) ela está 100% presente mesmo num filme de um movimento (Dogma 95) que se pretendia ser a antítese do filme comercial norte-americano”. Crazy, Stupid Love aparece como um “exemplo perfeito da importância das sub-tramas e de como elas podem ‘saltar’ pra trama principal de forma surpreendente”, explica Romeu.

A segunda parte do curso, que abrange as outras cinco aulas, serão repletas de exercícios práticos. Os alunos escrevem cenas e ideias de roteiros, que são debatidas em grupo com a turma numa espécie de doctoring coletivo. Romeu diz que esse processo é bastante divertido.

A importância das histórias

Contar histórias é muito mais do que apenas entretenimento. Romeu diz que “o ato de contar histórias foi a maior invenção do Homem. Isso lhe deu um handicap astronômico frente aos outros animais e que nos permitiu chegar onde chegamos.”

Ao terminar o curso, os alunos terão uma melhor noção das estruturas que são usadas para se contar histórias no cinema, tendo mais intimidade com as narrativas que assistem. Além disso, os alunos serão capazes de escrever suas próprias histórias.

Visite o site do MIS para fazer a sua inscrição e reservar sua vaga. O investimento no curso é de R$ 250,00. Confira abaixo as referências bibliográficas.

  • Arte poética de Aristóteles (trecho específico indicado pelo Romeu);
  • A Jornada do Escritor de Christopher Vogler;
  • Manual do Roteiro de Syd Field;
  • Story de Robert McKee.

Sobre Romeu di Sessa

Romeu di Sessa é roteirista e diretor há 25 anos. Teve duas peças encenadas, Do lado de dentro, a qual também dirigiu, e Adão, Eva e mais uns caras, dirigida por Ernesto Piccolo. Para a TV aberta já escreveu roteiros do programa Alô Doçura no SBT, Antena Coletiva da Rede Manchete, Você Decide e Vida ao Vivo da Rede Globo. Para a TV fechada assina os roteiros das séries Destino Lua de Mel, Ciência em Casa e Copa do Caos.

Ainda para a TV dirigiu o programa Rally dos Sertões na Record e uma temporada do programa Diário do Olivier. No cinema ganhou oito prêmios com o curtaÁtimo, entre eles o Kikito de melhor filme. Colaborou na elaboração dos longasMinhocas e Confia em mim. Fez inúmeros cursos de roteiros, entre os mais importantes destacam-se os cursos de Robert Mckee e Syd Field.

DEIXE UMA RESPOSTA